terça-feira, 17 de junho de 2014

ILHA GRANDE TEM 10 NA LISTA DE IRREGULARIDADE EM PRESTAÇÃO DE CONTAS DO TCE.

Tribunal de contas do estado do Piauí divulga lista com nomes de inelegíveis por irregularidades em prestação de contas.
        Em Ilha Grande alguns nomes figuraram na lista, Veja:
Ex-prefeito Henrique Sertão
Ex-prefeito Paulo Rogério
Ex-prefeita Joana D’arc
Ex-vereador Cassunete
Ex-vereador Paulão
Ex-vereador Jaime Meneses
Ex-vereadora Leila
Ex-vereador Edmundo
Ex-secretário de educação Ismael Ferreira
Ex-secretária de saúde Tânia


Fonte: http://www.tce.pi.gov.br/site/outros/doc_view/1231-lista-plenario-e-camaras

domingo, 6 de abril de 2014

Video que prova o que o Lula fez para ganhar as eleições e ser tão popular

BOLSA FAMÍLIA DEVERIA SER MAIS DE 300 REAIS

Dilma cai 6 pontos no Datafolha; Aécio e Campos mantém índices

A presidente Dilma Rousseff caiu 6 pontos porcentuais em pesquisa Datafolha divulgada na tarde deste sábado, 5, e obteve 38% das intenções de voto. As entrevistas foram realizadas nos dias 2 e 3 de abril. No levantamento anterior, feito nos dias 19 e 20 de fevereiro, Dilma obteve 44%. Apesar da queda, a presidente ainda seria reeleita em primeiro turno, se as eleições fossem realizadas agora.
No cenário mais provável da disputa de outubro, Dilma está 12 pontos à frente da soma de seus dois principais adversários, o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e o ex-governador Eduardo Campos (PSB-PE). Na pesquisa divulgada no sábado, o mineiro manteve os 16% obtidos em fevereiro e o pernambucano oscilou de 9% para 10%, ou seja, dentro da margem de erro de 2 pontos.
A única possibilidade de realização de segundo turno, segundo o Datafolha, seria com a entrada de Marina Silva (PSB) no lugar de Campos. A ex-ministra obteve 27%, 4 pontos a mais do que o índice de fevereiro. Nesse cenário, Aécio oscila de 15% para 16%.
O instituto também pesquisou cenários com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na disputa. Nas duas simulações - em que o petista enfrentaria Aécio e Campos ou Aécio e Marina -, Lula tem desempenho superior ao de Dilma e venceria no primeiro turno em ambas as situações.
Segundo o levantamento, cresceu o pessimismo em relação à economia do País, o que ajudaria a explicar a queda de 6 pontos de Dilma no período. Além disso, há quase um mês o governo enfrenta problemas relacionados à Petrobrás. No dia 18, a presidente respondeu ao Estado que só aprovou a compra de uma refinaria em Pasadena (EUA) em 2006, quando comandava o Conselho de Administração da estatal, porque recebera da diretoria da empresa um documento "falho" e "incompleto". Dois dias depois, um ex-diretor da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, foi preso pela Polícia Federal acusado de corrupção passiva.
A exemplo da pesquisa Ibope/Estado divulgada no mês passado, o levantamento do Datafolha aponta que a maioria dos eleitores quer mudanças na condução do País - 72%, segundo os números divulgados neste sábado. No entanto, Aécio e Campos são os últimos nomes apontados como aptos a conduzirem essa mudança, com 13% e 7%, respectivamente. A própria Dilma tem 16% da preferência para conduzir essas mudanças, metade dos 32% obtidos por Lula e em empate técnico com os 17% de Marina.

quarta-feira, 26 de março de 2014

GRANDES FILMES ILHAGRANDENSES (Parte I)

O GRANDE DUELO

ESTRELANDO: CHICO JOSÉ X BILÚ



A HORA DO RUSH
ESTRELANDO: ALUNOS DO MAROCAS LIMA NA HORA DA MERENDA



VELOSES E FURIOSOS
ESTRELANDO: SÃO FRANCISCO E MARCELINO




O GRANDE MENTECAPTO
ESTRELANDO: HERBERT SILVA



O PODEROSO CHEFÃO
ESTRELANDO: RENATO SANTOS



A VOLTA DO GRANDE SERTÃO (Veredas)
ESTRELANDO: HENRIQUE PENERANDA, NAS PRÓXIMAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS.



                       A LENDA
TER UM VEREADOR QUE FISCALIZE AS CONTAS DO PREFEITO




A LAGOA AZUL
ESTRELANDO: CAMPO DO CSR NO INVERNO




E O VENTO LEVOU
AREIAS SOBRE A PISTA DOS TATÚS





sexta-feira, 21 de março de 2014

A FÁCIL ARTE DE ENGANAR O POVO

                Esse PT tem mesmo facilidade de enganar o povo. O ex-presidente Lula criticava os programas sociais do governo do PSDB dizendo que se tratava de programas eleitoreiros a fim de comprar o povo. Depois que assumiu a presidência, juntou os programas sociais já existentes e transformou em bolsa família, o que passou a ser a menina dos olhos da sua campanha eleitoral e depois da atual presidente Dilma Roussef.
             Em 2004 o PT comprava deputados com o dinheiro do povo pra votar projetos de seu interesse no maior escândalo de todos os tempos da política brasileira, o famoso Mensalão. Mesmo assim Lula conseguiu se reeleger pregando para o povo que se o candidato do PSDB ganhasse iria acabar com o Bolsa família. Em 2010 Lula vetou o projeto dos Royalties do Pré-sal que já tinha sido aprovado pela câmara dos deputados e pelo senado federal para o resto do Brasil, tirando dinheiro principalmente da educação, saúde e segurança, prejudicando principalmente a região Nordeste que já é tão carente desses serviços essenciais.
Com a farra do dinheiro público, Dilma gastou mais de um bilhão e quatrocentos milhões de reais com a construção do estádio Mané Garrincha em Brasilia com fortes indícios de superfaturamento.
                 Menosprezando os Brasileiros e principalmente o Piaui, que tanto precisa de um porto, Dilma financiou um porto em Cuba colocando lá mais de um bilhão de reais e perdoando dívidas externas de países com regime ditatorial, como se o Brasil não precisasse desse dinheiro.
               Um dos principais discursos do PT em campanhas é que o PSDB vendeu o Brasil com as privatizações e hoje além de privatizar os principais portos e aeroportos brasileiros, Dilma fez a maior privatização de todos os tempos no Brasil que foi a venda do campo de marte no Rio de Janeiro, onde empresas estrangeiras irão explorar o petróleo brasileiro. Sem falar na falta de investimentos na área de energia elétrica aonde os usuários estão pagando contas altíssimas de uma energia de baixa qualidade. E por último, numa ação aonde Dilma mostrou toda a sua incompetência administrativa a Petrobrás comprou uma refinaria que valia 40 milhões de dólares por mais de um bilhão e meio de dólares.




Por: José de Ribamar Santos de Oliveira

Funcionário público do governo do estado do Piaui, Acadêmico do curso de Administração da Universidade Federal do Piaui. E nas horas vagas, Blogueiro.